PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Paulo Guedes anuncia injeção de R$ 147 bi contra impacto do coronavírus

16/03/2020 21h05

Brasília, 17 Mar 2020 (AFP) - Ministro da Economia, Paulo Guedes, anunciou nesta segunda-feira uma injeção de 147,3 bilhões de reais na economia, nos próximos três meses, para paliar os efeitos da pandemia do novo coronavírus.

"O presidente @jairbolsonaro está preocupado com os mais vulneráveis, principalmente os idosos. Por isso, estamos fazendo um programa emergencial de combate ao coronavírus que no total tem quase R$ 150 bilhões de recursos injetados em 3 meses", revelou Paulo Guedes em entrevista coletiva em Brasília.

Entre as iniciativas anunciadas estão a antecipação do 13º salário para os aposentados, a ampliação do programa que transfere recursos às famílias de baixa renda e medidas de apoio a pequenas e médias empresas para se evitar a perda de empregos.

O estímulo se fará com recursos "dentro dos limites que temos", já que o Brasil está praticamente "sem espaço fiscal", destacou o ministro, partidário de um programa severo de ajustes para ganhar a confiança dos investidores.

O governo federal já havia liberado 5 bilhões de reais para o Ministério da Saúde, na semana passada.

Ao anunciar as medidas de estímulo, Guedes voltou a defender as reformas estruturais para que a economia brasileira decole, após dois anos de recessão e três anos de fraco crescimento.

A pandemia é um duro golpe nas expectativas de Guedes e Bolsonaro de um bom crescimento econômico em 2020, após o resultado decepcionante em 2019 (+1,1%).

O governo reduziu sua previsão de crescimento de 2,4% para 2,1%, mas o mercado já projeta um avanço de apenas 1,68% em 2020.

O Brasil tem 234 casos do novo coronavírus e nenhum óbito até o momento.

No mundo, já são 182 mil infectados, com mais de 7.100 mortes.

mel/js/lr