PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Cuba reduz burocracia para incentivar investimentos estrangeiros

03/11/2020 15h03

Havana, 3 Nov 2020 (AFP) - As autoridades cubanas abriram oficialmente um "janela única" nesta terça-feira, uma iniciativa promovida pela União Europeia (UE) e as Nações Unidas para facilitar procedimentos e estimular o investimento estrangeiro na ilha.

"A União Europeia existe para construir pontes, colaboração, não bloqueios ou ataques", disse Juan Garay, chefe de cooperação da UE para Cuba.

A Vuinex é uma equipe de especialistas que facilita procedimentos e informações de forma rápida e gratuita a potenciais investidores estrangeiros, e trabalha em coordenação com as principais entidades cubanas relacionadas ao investimento estrangeiro.

Cuba exige um investimento anual de 5 bilhões de dólares, segundo especialistas oficiais, dos quais pelo menos 50% são estrangeiros.

No entanto, o número real está bem abaixo dessa meta, pois os investidores estrangeiros muitas vezes se assustam com o risco de sanções devido ao bloqueio dos Estados Unidos e também pelos pesados obstáculos administrativos em Cuba, que o próprio governo reconheceu como "bloqueio interno".

A ilha aprovou negócios com capital estrangeiro por 4,5 bilhões de dólares entre 2016 e 2018, e por 1,3 bilhão no primeiro semestre de 2019, a cifra mais recente publicada.

cb/ka/rsr/cc