PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Trump promete vetar lei orçamentária de Defesa dos EUA

13/12/2020 15h31

Washington, 13 dez 2020 (AFP) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, confirmou nesta domingo sua intenção de vetar o projeto de lei do orçamento de Defesa aprovado pelo Congresso na sexta-feira.

"O maior vencedor de nossa nova lei de Defesa é a China! Vou vetar!", tuitou Trump, que se opõe ao texto por vários outros motivos.

Mas a recusa do presidente em promulgar essa lei orçamentária não significa necessariamente que ela não prossiga.

A lei orçamentária de US$ 740,5 bilhões foi aprovada por mais de dois terços da "supermaioria" necessária para superar o veto presidencial: 84-13 no Senado, liderado por republicanos, e 335-78 na Câmara dos Representantes, controlado pelos democratas.

Supondo que Trump cumpra a promessa, a legislação seria enviada de volta ao Congresso, onde os legisladores teriam que aprová-la por uma maioria de dois terços para anular o veto presidencial.

Resta saber se os legisladores republicanos recuarão neste cabo de guerra entre o Congresso e o Executivo.

Uma rejeição do veto de Trump por parte dos legisladores seria algo inédito nos quatro anos de mandato do mandatário.

Além de ser supostamente favorável demais à China, o presidente critica o texto por não incluir uma cláusula que revoga a proteção legal às redes sociais, que o bilionário republicano acusa de persegui-lo.

Trump também se opõe ao fato de que a lei de financiamento do Pentágono apresenta a possibilidade de retirar o nome de bases militares em homenagem aos generais confederados, que lutaram em defesa do regime escravocrata.

seb/dga/yo/am