United Airlines encomenda 110 novos aviões a Boeing e Airbus por US$ 22,4 bi

A companhia aérea americana United Airlines anunciou, nesta terça-feira (3), o pedido firme de 110 novos aviões para Boeing e Airbus, e opções adicionais de compra de 90 aeronaves aos dois fabricantes.

O pedido firme abrange 50 Boeings 787-9 "Dreamliner" para entrega entre 2028 e 2031, e 60 Airbus A321neo para entrega entre 2028 e 2030. A preço de catálogo dos dois fabricantes, o total chega a 22,4 bilhões de dólares (R$ 114,45 bilhões, na cotação atual).

Em um comunicado, a United explicou que efetivou em pedidos firmes opções de compra contratadas anteriormente.

Também anunciou que deixou abertas novas opções de compra de 50 Dreamliners adicionais e mais 40 A321neo. São opções que equivaleriam, caso sejam efetivadas e a preço de catálogo, a 19,72 bilhões de dólares (R$ 100,75 bilhões).

"Estou convencido de nossa estratégia [...] de agregar novas aeronaves maiores para tirar proveito das crescentes oportunidades internacionais e domésticas", declarou Scott Kirby, presidente da United, citado em um comunicado.

A companhia aérea americana espera a entrega de cerca de 800 aviões novos entre 2023 e 2032.

elm/els/mr/cjc/rpr/mvv

Continua após a publicidade

© Agence France-Presse

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes