Bolsas

Câmbio

Caramuru Alimentos contrata Morgan Stanley para venda de fatia

Gerson Freitas Jr. e Cristiane Lucchesi

(Bloomberg) -- A Caramuru Alimentos, uma das maiores tradings e processadoras de soja do país, contratou o Morgan Stanley para buscar um investidor.

A Caramuru considera vender uma fatia ou até mesmo o controle da companhia a fim de capitalizá-la para projetos de expansão, afirmou César Borges Sousa, vice-presidente e integrante da família proprietária da companhia. As conversas ainda estão em estágio inicial e a empresa ainda não está engajada em nenhuma negociação específica, disse Borges.

"Estamos procurando novas oportunidades", disse Sousa. "Ainda não temos clareza quanto ao tamanho ou valor da participação que podemos vender."

A Caramuru, sediada em Itumbiara, Goiás, opera 73 armazéns no Sul e Centro-Oeste do País, além de terminais portuários em Santos e Vitória. A empresa exporta cerca de 3 milhões de toneladas de grãos e oleaginosas e faturou R$ 4 bilhões no ano passado, segundo Sousa.

Negociações envolvendo tradings de grãos ganharam corpo com a desvalorização do real e a queda dos preços agrícolas internacionais. No começo do mês, a chinesa Hunan Dakang Pasture Farming Co acertou a compra de uma fatia controladora da trading Fiagril. A brasileira Amaggi e a Louis Dreyfus contrararam o HSBC para vender uma participação na joint-venture que detém parte do terminal de grãos do porto de Itaqui, disseram na semana passada duas pessoas com conhecimento direto da situação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos