Telefónica tenta vender rede de TV argentina Telefe, dizem fontes

Rodrigo Orihuela

(Bloomberg) -- A Telefónica, maior operadora europeia de telecomunicações na América Latina, pretende vender sua emissora de TV argentina, a Telefe, em meio a uma tentativa de levantar capital, segundo duas pessoas com conhecimento direto do assunto.

A Telefónica elaborou materiais de venda para a emissora de TV aberta e já contatou possíveis compradores, disse uma das pessoas. A Turner, divisão da Time Warner, figura entre as empresas que contataram a Telefónica, porém nenhuma oferta sólida foi feita, disse uma das fontes, que pediu anonimato porque o assunto não é público.

A Turner estava interessada na Telefe e avaliou a empresa em cerca de US$ 400 milhões, informou em março o jornal argentino Diario BAE.

José María Álvarez-Pallete, que se tornou presidente do conselho e CEO da Telefónica em abril, está buscando meios de captar recursos para cumprir as metas de dívida. A operadora com sede em Madri planejava reduzir dívidas com a venda de 10,3 bilhões de libras (US$ 15 bilhões) da sua unidade britânica, mas a transação foi impedida pelas autoridades reguladoras da União Europeia no mês passado.

Rede importante

A Telefónica considerou uma venda porque a Telefe não é um negócio 'core', segundo as pessoas.

A rede, adquirida pela Telefónica em 1998, é a emissora de maior público na Argentina e uma das maiores produtoras de conteúdos da América Latina. Também é a única emissora de TV aberta que pertence à Telefónica, um resquício de sua incursão nos meios de comunicação no final da década de 1990.

Representantes da Telefónica e da Turner não quiseram fazer comentários.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos