Bolsas

Câmbio

Banco Votorantim encerra atividades de pesquisa de ações

Eduardo Thomson e Cristiane Lucchesi

(Bloomberg) -- O Banco Votorantim, que tem o Banco do Brasil como acionista, está eliminando sua equipe de pesquisa de ações após o encolhimento do mercado de novas emissões no ano passado.

Após "os ajustes estratégicos", a Votorantim Corretora continua operando normalmente com "uma plataforma diversificada de soluções financeiras integradas e serviços de pesquisa em renda fixa", informou o banco com sede em São Paulo, na quinta-feira, em comunicado enviado por e-mail. Um representante do banco preferiu não informar quantos funcionários foram demitidos com a decisão.

O total de ações emitidas no ano passado no Brasil caiu 44 por cento, para R$ 12,3 bilhões (US$ 3,8 bilhões), segundo dados compilados pela Bloomberg. Das 14 ofertas de ações realizadas no Brasil no ano passado, a Votorantim participou de uma, mostram os dados.

Antes diretor de varejo do banco, Elcio Jorge dos Santos se tornou presidente em novembro após a saída do ex-presidente João Roberto Teixeira. O banco teve lucro de R$ 112 milhões no terceiro trimestre de 2016, alta de 3,6 por cento sobre o trimestre anterior.

O presidente do Banco do Brasil, Paulo Rogério Caffarelli, disse no mês passado que o banco não tinha planos de vender sua fatia no Votorantim.

O BB, maior banco da América Latina em ativos, possui 49,99 por cento das ações ordinárias e 50 por cento do capital total do Banco Votorantim. A Votorantim Finanças é dona do restante.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos