PayPal negocia com Amazon sobre pagamentos, afirma CEO

Spencer Soper

(Bloomberg) -- A Amazon.com e o PayPal têm discutido a possibilidade de permitir que os consumidores paguem suas compras na Amazon usando suas contas no PayPal, ressaltando a capacidade do PayPal de atrair novos parceiros desde 2015, quando se separou do eBay, rival da Amazon.

"Estamos conversando com a Amazon", disse o CEO do PayPal, Dan Schulman, na quinta-feira, em entrevista à Bloomberg. "Estamos nos aproximando de 200 milhões de usuários de nossa plataforma no momento. Com essa escala, é difícil para qualquer empresa varejista pensar em não aceitar PayPal."

Não há detalhes a anunciar, mas Schulman disse que as conversas têm focado em "como usar os ativos um do outro para benefício mútuo de nossos clientes".

Um porta-voz da Amazon, que tem sede em Seattle, EUA, preferiu não comentar.

O PayPal se separou do eBay -- antes arquirrival da Amazon -- para se concentrar na expansão de seu negócio de transações eletrônicas sem ficar limitado ao lento crescimento do mercado on-line. Schulman, que se tornou CEO após a separação, vem fechando acordos em um esforço para aumentar o número de pessoas que utilizam o PayPal e a frequência com que o usam.

A Amazon tem suas próprias ambições no setor de pagamentos e contratou Patrick Gauthier, do PayPal, que tem sede em San José, Califórnia, EUA, em 2015 para liderar sua iniciativa. A Amazon está equilibrando seu desejo de controlar os pagamentos com sua filosofia centrada no cliente, levando em consideração o alcance do PayPal. Na quinta-feira, o PayPal comunicou que possuía 197 milhões de contas ativas de clientes no quarto trimestre, com 31 transações por conta nos últimos 12 meses. Os consumidores da Amazon têm perguntado nos fóruns de discussão de clientes se a empresa aceitaria PayPal.

A Amazon revitalizou seu próprio negócio de pagamentos em 2013 ao permitir que os clientes usassem contas da Amazon para realizar compras em outras lojas on-line.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos