Bolsas

Câmbio

Apple se concentra em sistema para carros autônomos, diz Cook

Alex Webb e Emily Chang

(Bloomberg) -- Após anos de trabalho sigiloso no projeto automotivo da Apple, o CEO Tim Cook explicou pela primeira vez o que exatamente a companhia busca no mercado de automóveis: está se concentrando na tecnologia de direção autônoma.

"Estamos focando nos sistemas autônomos", disse Cook, em entrevista concedida no dia 5 de junho à Bloomberg Television, nos comentários mais detalhados já feitos sobre os planos automotivos da Apple. "Trata-se de uma tecnologia fundamental que consideramos muito importante." Ele disse que esse esforço é "a mãe de todos os projetos de IA [inteligência artificial]", afirmando que este "provavelmente é um dos projetos de IA mais difíceis de se trabalhar".

A perspectiva dos carros autônomos fez uma série de empresas de tecnologia entrarem na indústria automotiva, segundo a McKinsey & Co. A Waymo, uma unidade da Alphabet, fechou parcerias com a Fiat Chrysler Automobiles e com a Lyft para desenvolver a tecnologia. E fabricantes de veículos como BMW e General Motors abriram escritórios significativos no Vale do Silício e dedicaram centenas de milhões de dólares à aquisição de startups de veículos autônomos.

A Apple inicialmente vinha buscando construir seu próprio carro, mas redirecionou essas ambições no ano passado para priorizar a tecnologia básica da direção autônoma, publicou a Bloomberg News. A fabricante do iPhone havia contratado mais de 1.000 engenheiros para trabalhar no Project Titan, como a equipe automotiva é conhecida internamente, após seu início, em 2014.

A disparada dos custos e do número de funcionários fizeram com que o veterano da Apple Bob Mansfield recebesse o comando da equipe em 2016. Cook nunca havia delineado os planos da Apple abertamente, embora tenham surgido comunicados públicos nos últimos meses que ofereceram pistas a respeito dos esforços da Apple.

A fabricante do iPhone conseguiu permissão do Departamento de Veículos Motorizados da Califórnia em abril para testar três SUVs autônomos e surgiram fotos deles várias semanas depois. Meia dúzia de veículos vinham testando a tecnologia autônoma em sigilo pelas vias públicas dentro e em torno da área da Baía de São Francisco havia pelo menos um ano, segundo uma pessoa familiarizada com o Project Titan. Tom Neumayr, porta-voz da Apple, preferiu não comentar há quanto tempo a companhia realiza testes nas ruas.

Em dezembro, Steve Kenner, diretor de integridade de produto da Apple, escreveu uma carta à Administração Nacional de Segurança no Trânsito Rodoviário dos EUA revelando o interesse da companhia na tecnologia automotiva. A carta foi publicada em um site do governo federal. Nela, Kenner escreveu sobre o entusiasmo da companhia com o potencial dos sistemas automatizados em campos como o de transporte.

"Há uma grande revolução se aproximando nesse campo", disse Cook à Bloomberg Television, citando a tecnologia autônoma, os veículos elétricos e o transporte compartilhado. "Existem três vetores de mudança ocorrendo de forma geral no mesmo intervalo de tempo."

Cook também se mostrou otimista em relação às perspectivas para os veículos elétricos, um mercado que na semana passada ajudou a Tesla a se transformar na quarta maior fabricante de automóveis do mundo em capitalização de mercado, mesmo estando muito fora do top 10 em vendas de unidades.

"Não parar no posto de gasolina é uma experiência maravilhosa", disse Cook.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos