Bolsas

Câmbio

Crédito começa a vencer débito na batalha por clientes nos EUA

Ben Steverman

(Bloomberg) -- Crédito ou débito? Para compras rotineiras, os americanos provavelmente dirão débito.

As emissoras de cartão de crédito dos Estados Unidos prefeririam uma resposta diferente. Primeiro, os bancos cobram "tarifas de intercâmbio"? as taxas pagas pelos lojistas ? maiores sobre as compras com cartões de crédito. Então, se você não pagar seu cartão de crédito, a emissora cobra taxas financeiras e de juros.

Portanto, qual é a estratégia das emissoras para fazer com que os consumidores usem o cartão de crédito? Tentação. As emissoras carregaram seus cartões de crédito top com vantagens de viagens e outras recompensas.

Parece que está funcionando. Em uma pesquisa com consumidores americanos conduzida todos os anos pela processadora de cartões Total System Services, conhecida como TSYS, foi revelado que a popularidade do débito está em queda há vários anos. Em 2016, o crédito ultrapassou o débito como a forma de pagamento preferida dos americanos.

No ano passado foi também quando o JPMorgan Chase lançou um cartão de crédito premium, o Chase Sapphire Reserve, com muita pompa. O número de pessoas que solicitaram o cartão foi tão grande, a maioria delas da chamada geração do milênio, que o Chase ficou temporariamente sem cartões. A American Express contra-atacou em março, melhorando as vantagens de seu cartão Platinum premium. Um executivo da Amex disse que a empresa está em um "combate corpo a corpo" com o Chase para conquistar novos clientes de cartões.

"Você tem emissoras oferecendo melhores recompensas para tentar atrair a atenção do consumidor", disse David Robertson, editor da newsletter Nilson Report. "Existe uma guerra entre os maiores 'players'."

Os gastos em crédito e débito geralmente sobem a cada ano à medida que a economia cresce e os cartões gradualmente ganham uma parcela maior das compras feitas com cheques e dinheiro. Mas o uso de cartões de crédito tem aumentado em um ritmo mais rápido.

Nove anos após a crise financeira global, as empresas têm, pouco a pouco, tornado mais fácil a aprovação de novos cartões de crédito. Os consumidores também estão se sentindo mais à vontade para contrair dívidas, disse Robertson.

E como amam suas recompensas. Perguntados na pesquisa da TSYS sobre a característica favorita em seus cartões de crédito, 59 por cento dos consumidores citaram as recompensas. A parcela aumentou 7 pontos percentuais em dois anos, tornando as recompensas duas vezes mais populares do que qualquer outra vantagem do cartão.

Embora benefícios de viagens sejam as principais vantagens de cartões de crédito premium, a grande maioria dos consumidores está mais focada em receber dinheiro em troca.

Uma mudança geracional poderia estar por trás de algumas destas tendências. À medida que a numerosa geração do milênio envelhece, também começa a ganhar mais dinheiro e se sentir mais confiante em usar cartões de crédito, disse o analista Kevin Morrison, do Aite Group.

Cartões de crédito são mais populares entre americanos de 25 a 44 anos. Tanto consumidores mais jovens, que muitas vezes têm dificuldade em ser aprovados na obtenção de um cartão de crédito, quanto clientes mais velhos, que preferem usar o débito.

Inundados por promoções de cartões de crédito, a geração do milênio está cuidadosamente escolhendo os cartões com as melhores vantagens, diz Morrison. Comparados com as gerações mais velhas, "eles são simplesmente mais esclarecidos", disse. "Analisam ofertas e promoções. No final das contas, reconhecem o crédito como uma ferramenta."

Ainda assim, há perigos na busca de recompensas oferecidas pelos cartões de crédito. Os cartões de recompensa cobram taxas anuais que podem ultrapassar US$ 500 por ano. Também tendem a cobrar taxas de juros mais altas do que outros cartões.

"O uso de cartões de crédito com recompensas pode ser útil", disse a consultora financeira Willa Williams, da Trinity Financial Coaching, em Grosse Pointe, Michigan. "Você apenas precisa ser disciplinado o suficiente para fazer as compras para as quais tenha dinheiro para pagar a fatura."

Título em inglês: The U.S. Card Rewards War Is Helping Credit Beat Debit

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos