Bolsas

Câmbio

Citi compete com Apple e Google na busca por talento tecnológico

Yaacov Benmeleh

(Bloomberg) -- O Citigroup contratará mais 50 engenheiros em Israel, onde a concorrência feroz dos gigantes da tecnologia está frustrando as iniciativas para expandir uma força de trabalho que já emprega mais programadores do que executivos bancários.

O banco está recrutando desenvolvedores em campos como big data, inteligência artificial e design de interfaces para seu laboratório de tecnologia, divisão criada em 2011 para atender a plataforma de mercados globais. Seis anos depois, o laboratório trabalha com um conjunto mais amplo de negócios, incluindo private banking e a plataforma de trading e pesquisa do Citi para clientes institucionais, segundo Neil Corney, CEO do banco em Israel.

"Não queremos que o Citi em Israel seja um centro de pesquisa e desenvolvimento", disse ele em entrevista em seu escritório em Tel-Aviv. "Miramos a inovação de ponta."

As empresas de Wall Street estão gastando bilhões em tecnologia de ponta para automatizar processos e reduzir custos. A BlackRock, a maior administradora de ativos do mundo, abriu um escritório em Israel neste ano, atraída em parte pelo potencial tecnológico do país. O JPMorgan Chase & Co., o maior banco dos EUA, tem 35 vagas abertas para desenvolvedores e programadores em Israel, segundo uma busca no LinkedIn.

Achar candidatos para preencher essas vagas é mais difícil do que pode parecer no país com o maior número de empresas de tecnologia per capita do mundo -- cerca de 5.000 startups para uma população de 8,5 milhões de habitantes. Mais de 350 multinacionais abriram centros de pesquisa e desenvolvimento em Israel, segundo dados do IVC Research Center.

O Citigroup emprega 310 pessoas em Israel, onde a demanda por programadores cresceu tão rapidamente que agora faltam engenheiros.

"Nossos maiores rivais na busca de talentos não são os bancos globais", disse Corney. "São as empresas de tecnologia líderes como Facebook, Google e Apple, com as quais temos que competir pelos talentos."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos