PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

Unidade da Alphabet escolhe Toronto para primeiro bairro digital

Natalie Wong

18/10/2017 15h16

(Bloomberg) -- A "cidade do futuro" de Larry Page encontrou seu primeiro lar em Toronto.

A Sidewalk Labs, unidade de inovação urbana da Alphabet, de Page, e a Waterfront Toronto planejam fomentar o desenvolvimento de uma comunidade de alta tecnologia do zero ao longo do Lago Ontário, na maior cidade do Canadá. O objetivo é transformar a área em um polo de inovação para tecnologias que melhoram a vida urbana, abarcando por exemplo sistemas ecológicos de energia, trânsito com direção autônoma e novas técnicas de construção para reduzir o custo das moradias, anunciaram as empresas em comunicado.

"Este é o ponto culminante de cerca de 10 anos de reflexão a respeito de como a tecnologia pode melhorar a vida das pessoas", disse o presidente-executivo do conselho da Alphabet, Eric Schmidt, em entrevista coletiva, em Toronto, na terça-feira. Schmidt foi acompanhado por Dan Doctoroff, CEO da Sidewalk Labs, que tem sede em Nova York, e pelo primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau.

A Sidewalk Toronto dedicará US$ 50 milhões ao planejamento do projeto, que começará com um novo bairro chamado Quayside e futuramente se estenderá para o litoral leste, mais de 325 hectares de uma das maiores áreas urbanas não desenvolvidas da América do Norte. A sede canadense do Google será transferida do extremo oeste para o empreendimento, a fim de dar apoio ao projeto.

O investimento da Alphabet surge em meio a um boom tecnológico na cidade, impulsionado pela próspera cena de startups, pelo aumento do número de pesquisas sobre inteligência artificial e pelo financiamento maior concedido ao setor pelo governo federal. Mas o projeto Sidewalk Toronto não é apenas um impulso para a comunidade tecnológica -- também combaterá a crise habitacional da cidade. O projeto tem por objetivo criar novos modelos de moradia acessível e de varejo flexível, segundo o comunicado.

No início do ano, a Waterfront Toronto, uma corporação pública criada por autoridades canadenses em 2001 para revitalizar os terrenos localizados junto ao Lago Ontário, solicitou propostas para desenvolver uma nova comunidade chamada Quayside com um parceiro privado. A Quayside seria um laboratório para tecnologias, materiais e processos emergentes que abordarão esses desafios e promoverão soluções que possam ser replicadas em cidades de todo o mundo, segundo autoridades municipais.

Sonho digital

A Sidewalk Toronto planeja usar o ano de 2018 para consultar a população sobre o projeto e criará um plano com a Waterfront Toronto. O desenvolvimento não será imposto de cima para baixo: criará condições para que empresas, startups e centros acadêmicos dirijam o projeto durante muitos anos.

"Este não será um lugar onde simplesmente implementaremos tecnologias, mas sim um lugar onde usaremos novas ferramentas digitais e o que houver de mais recente em design urbano para resolver grandes desafios urbanos de maneiras que, esperamos, inspirarão cidades de todo o planeta", disse o CEO da Sidewalk Labs, Doctoroff, no comunicado. Doctoroff foi CEO da Bloomberg LP e vice-prefeito de Nova York durante a gestão de Michael Bloomberg, fundador da Bloomberg.

--Com a colaboração de Mark Bergen