PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Vale do Silício vai ganhar versão do Hudson Yards de Nova York

Noah Buhayar

16/05/2019 10h51

(Bloomberg) -- A incorporadora responsável pelo empreendimento imobiliário Hudson Yards, em Nova York, está pronta para construir outro gigante complexo de residências, escritórios e lojas - desta vez na costa oeste dos Estados Unidos, a quase 5 mil quilômetros de distância.

A Related anunciou na quarta-feira que iniciou as obras em um terreno de 97 hectares no Vale do Silício que, segundo a construtora, será um dos maiores empreendimentos imobiliários da história da Califórnia. Localizado ao norte do Levi's Stadium, onde joga o San Francisco 49ers, da Liga Nacional de Futebol Americano, o projeto de Santa Clara está orçado em cerca de US$ 8 bilhões, e vai substituir um campo de golfe público que fica no topo de um antigo aterro.

O empreendimento começou a ser planejado há muito tempo - a Related anunciou o projeto pela primeira vez há seis anos -, e o fato de estar sendo anunciado só agora tem a ver com a dificuldade de construção em uma região que se tornou famosa pelo déficit habitacional e disputas judiciais relacionadas à expansão do mercado imobiliário. Mas também é um testemunho do vibrante setor tecnológico da Baía de São Francisco e da demanda por espaço, incentivando a empresa a embarcar em um longo processo de construção na fase final de um boom econômico.

Quando o complexo for concluído, o projeto terá 502 mil metros quadrados de escritórios, 700 quartos de hotel, mais de 1,6 mil apartamentos e uma área com lojas, restaurantes e entretenimento, bem como um parque de 12 hectares - todos a uma curta distância em transporte público e adjacente a uma área industrial que a cidade está transformando em zona residencial com espaço para até 4,5 mil moradias. A Related escolheu a renomada empresa arquitetura Foster + Partners para coordenar o projeto das primeiras fases do empreendimento.

Ao criar uma área urbana rica em amenidades, a Related aposta que será capaz de atrair o tipo de inquilino corporativo que vê essas vantagens como fundamentais para atrair e reter funcionários. O empreendimento, que tem previsão de inauguração em 2023, também contará com uma variedade de tipos de escritórios, como espaços loft, preferidos das startups, e áreas que poderiam acomodar a sede de uma grande empresa.