PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

ETFs emergentes têm entrada de US$ 1 bi com acordo EUA-China

Aline Oyamada e Automatização da Bloomberg

16/12/2019 15h17

(Bloomberg) -- Os fluxos para os ETFs de mercados emergentes aceleraram com a conclusão da primeira fase do acordo comercial entre os EUA e a China.

Houve entrada de cerca de US$ 1,15 bilhão nos ETFs listados nos EUA que investem em nações emergentes, bem como aqueles que visam países específicos desse grupo, na semana encerrada em 13 de dezembro -- mais de oito vezes o ingresso de US$ 141,9 milhões da semana anterior, segundo dados compilados pela Bloomberg. Foi a décima semana consecutiva de entradas, a maior sequência de ganhos em um ano.

Os fluxos foram liderados pelos três maiores ETFs de ações de mercados emergentes. O iShares MSCI Emerging Markets, de US$ 28,7 bilhões, recebeu US$ 533 milhões e o Vanguard FTSE Emerging Markets, de US$ 66 bilhões, recebeu US$ 352 milhões, ambos apresentando a maior entrada desde fevereiro.

Enquanto isso, o iShares JP Morgan USD Emerging Markets Bond, de US$ 14,9 bilhões, teve uma pequena entrada de US$ 45 milhões.

No acumulado deste ano, os ingressos para ETFs de ações e renda fixa totalizaram US$ 6,81 bilhões.

Para contatar o editor responsável por esta notícia: Patricia Xavier, pbernardino1@bloomberg.net