PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Turismo pede manutenção de feriados prolongados no México

Andrea Navarro e Lorena Rios

06/02/2020 14h57

(Bloomberg) -- Não se mexe em time que está ganhando. Esse é o recado da indústria do turismo do México ao presidente Andrés Manuel López Obrador, que propôs cancelar fins de semana prolongados a partir do próximo ano letivo.

López Obrador quer que os feriados sejam comemorados no dia original para valorizar seu significado histórico. Há muitos anos, o México transferiu os feriados que caem no meio da semana para segunda ou sexta-feira, de modo que as pessoas possam desfrutar de um longo fim de semana.

Acabar com os feriados prolongados prejudicaria a economia e a indústria do turismo, disse o presidente da câmara de turismo Concanaco Servytur, José Manuel Lopez, em comunicado. Nos fins de semana prolongados, as pessoas podem viajar para locais próximos no México, disse, e é quando serviços de transporte, restaurantes e hotéis registram aumentos importantes no fluxo de caixa.

"Estamos fazendo muitas coisas que estão ajudando o turismo a crescer", disse López Obrador em sua conferência de imprensa matutina na quinta-feira. "Estamos limpando praias, construindo o Maya Train e trabalhando para aumentar a segurança nas estradas. Portanto, isso não afetará o turismo; pelo contrário, seremos afetados se esquecermos nosso passado."

López, da Concanaco, disse que os fins de semana prolongados também permitem que as pessoas aliviem um pouco o estresse e voltem ao trabalho com mais energia. O México tem apenas sete feriados oficiais por ano, um dos números mais baixos do mundo.

Para contatar o editor responsável por esta notícia: Daniela Milanese, dmilanese@bloomberg.net

Repórteres da matéria original: Andrea Navarro em Cidade do México, anavarro30@bloomberg.net;Lorena Rios Mexico City, lriost@bloomberg.net

PUBLICIDADE