PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Traders tentam entender jargões científicos para acertar apostas

Vildana Hajric e Claire Ballentine

25/05/2020 13h31

(Bloomberg) -- R0. ncov. A nomenclatura da doença é o novo jargão financeiro. Para entender melhor o assunto, operadores buscam informações fora de Wall Street.

Estrategistas destacam que "não são epidemiologistas". Nem são médicos, biólogos ou virologistas. Mas conseguir as informações mais atualizadas com esses profissionais se tornou urgente para qualquer pessoa que queira navegar nos mercados na era do coronavírus. Como resultado, sites especializados que oferecem respostas observam aumento do interesse.

"É como se minha cabeça estivesse prestes a explodir, não sou cientista", disse Ryan Detrick, estrategista sênior de mercado da LPL Financial. "Estamos tentando aprender rapidamente novos jargões que as pessoas passaram décadas aprendendo."

É o caso do STAT, que de repente se tornou site obrigatório para analistas e investidores que precisam de uma análise rápida de notícias complicadas. A unidade do Boston Globe ganhou destaque nas últimas semanas após a divulgação de dados complexos em duas iniciativas de vacinas. Análises do site influenciaram centenas de bilhões de dólares em valor de mercado.

Rick Berke, cofundador e editor executivo, diz que a cobertura da agência já mexeu com os mercados no passado, mas nada como agora. Em 2019, o tráfego médio mensal era inferior a 2 milhões de visitantes únicos. O número aumentou para 24 milhões em março e permaneceu elevado em abril, em cerca de 13 milhões.

"Construímos um público leal e apaixonado nos EUA e no exterior nos últimos quatro anos e meio, mas milhões de leitores descobriram recentemente o STAT e agora recorrem a nós para uma cobertura rigorosa do desenvolvimento de vacinas e tratamentos para Covid-19", disse Berke por e-mail.

A combinação de finanças e biologia não é uma história nova da pandemia, mas sua importância nunca foi tão evidente quanto na última semana. Na segunda-feira passada, o S&P 500 registrou o melhor dia em um mês após resultados positivos de uma vacina experimental da Moderna, o que aumentou o otimismo sobre a recuperação da economia. O rali se desfez 24 horas depois, quando o STAT disse que os resultados geravam dúvidas. As ações caíram mais de 1% na terça-feira e eliminaram mais de US$ 250 bilhões em valor de mercado.

Detrick, da LPL, nunca tinha ouvido falar da agência de notícias antes dos primeiros relatórios sobre testes de vacinas.

"Realmente, há muitas informações e estamos compartilhando-as mais rápido do que nunca", disse. "Os mercados podem realmente se mover rapidamente quando há tanta informação fluindo."

©2020 Bloomberg L.P.