Industriais brasileiros do setor do trigo se reúnem com ministro argentino

Buenos Aires, 11 fev (EFE).- Dirigentes da Associação Brasileira das Indústrias do Trigo (Abitrigo) foram recebidos em Buenos Aires nesta quinta-feira pelo ministro de Agroindústria da Argentina, Ricardo Buryaile, com quem conversaram sobre as novas políticas para a cadeia produtora no país vizinho.

Segundo informaram fontes oficiais, no encontro foram analisadas as perspectivas do setor a partir das novas medidas adotadas pelo governo argentino, que incluem a eliminação dos impostos de exportação que regiam para o trigo e o fim das permissões para exportar.

Ao término do encontro, Sergio Amaral, presidente da Abitrigo, destacou as medidas adotadas na Argentina ao assinalar que "são muito importantes para a troca em matéria de trigo entre ambos países".

"A suspensão das retenções (impostas à exportação) e as mudanças no sistema dos ROEs (permissões para exportar) tiraram a incerteza dos moleiros brasileiros", destacou.

Além disso, afirmou que "agora foi possível uma estabilidade comercial" e que por essa razão "se abre um caminho de cooperação entre ambos governos", o que gera convergências e oportunidades para o campo argentino.

Por sua vez, o presidente da Câmara Arbitral da Bolsa de Cereais de Buenos Aires, Javier Buján, ressaltou que as políticas adotadas geram "certezas de mercado, transparência de preços e um mercado ativo".

A Argentina é o principal fornecedor de trigo do Brasil, com remessas que no ano passado chegaram a 3,8 milhões de toneladas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos