Brasil denuncia EUA na OMC por sobretaxas a exportações de aço

Genebra, 11 nov (EFE).- O governo brasileiro denunciou os EUA perante a Organização Mundial do Comércio (OMC) contra as sobretaxas americanas referente às exportações brasileiras de aço plano.

O Brasil notificou nesta sexta-feira à OMC sobre sua solicitação, indicou a organização em comunicado.

O governo brasileiro afirma que as medidas americanas não se ajustam a uma série de disposições processuais e substanciais do Acordo sobre Subsídios e Medidas Compensatórias, nem ao artigo VI do Acordo Geral sobre Tarifas Alfandegários e Comércio (GATT, por sua sigla em inglês).

A solicitação para a abertura de consultas dá início formalmente a uma disputa perante a OMC.

As consultas dão às partes a oportunidade de discutir as diferenças e de achar uma solução satisfatória sem seguir adiante no litígio.

Se as consultas fracassarem 60 dias após so início, o denunciante pode solicitar a criação de um painel de especialistas para resolver a disputa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos