Bolsas

Câmbio

Greve de pilotos da Lufthansa com 900 voos cancelados

Berlim, 24 nov (EFE).- A greve de pilotos da Lufthansa iniciada na quarta-feira prossegue nesta quinta, com a previsão de cancelamento de 912 voos ao longo do dia, depois do anúncio feito pelo sindicato dos pilotos Vereinigung Cockpit (VC), que a paralisação será prolongada até amanhã.

Entre os voos cancelados, estão 82 conexões aéreas de longo percurso, que afetarão cerca de 115 mil passageiros.

A companhia aérea irá operar cerca de 2,1 mil dos 3 mil voos previstos, aproximadamente os mesmos que decolaram no primeiro dia de greve.

Em Munique, um dos principais aeroportos internacionais na Alemanha ao lado de Frankfurt, a maioria de aviões não decolou.

No entanto, não foram registrados maiores incidentes, já que aparentemente muitos passageiros não foram ao aeroporto avisados dos diversos cancelamentos.

Da companhia Lufthansa só decolaram alguns aviões, com destinos como Hong Kong, Lisboa, Turim e Dresden.

"A situação é tranquila", afirmou a companhia aérea, acrescentando que foram enviados mais de 150 mil e-mails e SMS com informações de voo.

Amanhã, a greve afetará apenas os voos de curta distância que partem da Alemanha e Lufthansa espera operar pelo menos todos os voos de longo percurso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos