Bolsas

Câmbio

Funcionários de 18 aeroportos britânicos farão greve na véspera do Natal

Londres, 16 dez (EFE).- Mais de 1.500 funcionários de balcões de check in e gestão de bagagens farão greve em 18 aeroportos do Reino Unido nos dias 23 e 24 de dezembro para protestar contra suas condições salariais, anunciou nesta sexta-feira o sindicato Unite.

Trabalhadores da empresa de serviços em terra Swissport irão aderir à greve nos aeroportos londrinos de Heathrow, Gatwick, Luton e Stansted, assim como no de Edimburgo, Birmingham, Manchester e Newcastle, entre outros.

"Compreendemos que este é um momento do ano com muita ocupação nos aeroportos do Reino Unido. Por isso fazemos um apelo à companhia para que se comprometa com um diálogo construtivo", disse Oliver Richardson, responsável nacional do Unite.

"Nossos membros iniciam esta ação industrial como último recurso, em uma tentativa de conseguir um acordo justo. Nossos membros não receberam um aumento salarial desde 2014", lamentou Richardson.

Em uma votação, 62,5% dos membros do sindicato rejeitaram um aumento de 4,65% em três anos.

Por sua vez, o sindicato PPU anunciou que os pilotos da companhia britânica Virgin Atlantic trabalharão de acordo com que estipula "estritamente seu contrato", em protesto por suas condições trabalhistas.

"É possível que isto deixe alguns voos sem cobertura durante a duração da ação, que potencialmente pode continuar de maneira indefinida", afirmou em comunicado a organização.

Por outra parte, cerca de 2.000 trabalhadores de cabine da companhia British Airways (BA) votaram na quarta-feira a favor de entrar em greve para conseguir um aumento salarial, uma paralisação para a qual ainda não há uma data estabelecida.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos