Bolsas

Câmbio

Uruguai destina US$ 13 milhões para comprar vacinas contra febre aftosa

Montevidéu, 24 jan (EFE).- O Ministério de Pecuária, Agricultura e Pesca do Uruguai destinou mais de US$ 13 milhões para comprar 20 milhões de vacinas contra a febre aftosa para bovinos.

A vacinação obrigatória contra a doença será realizada a partir de 1º de fevereiro em todo o rebanho uruguaio, de 12 milhões de animais, informou o órgão através da Presidência da República.

Para isso, o governo investiu US$ 13,4 milhões para comprar 20 milhões de doses que serão utilizadas nesta primeira fase de inoculação do ano assim como na programada para o dia 1º de maio, quando os bovinos menores de dois anos recebem a segunda dose.

A resolução oficial explica que estão proibidas a realização de eventos que concentrem bovinos, como leilões, feiras e exposições, no período entre 1º e 15 de fevereiro.

As comissões departamentais determinarão as regiões que serão declaradas de vigilância prioritária no país. A lista desses locais será enviada à direção geral do ministério antes do fim de janeiro.

Os produtores que não vacinarem seus animais serão denunciados aos escritórios regionais do Ministério de Pecuária, Agricultura e Pesca do Uruguai.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos