Bolsas

Câmbio

Greve força cancelamento de mais de 600 voos na Alemanha

Berlim, 13 mar (EFE).- A greve dos funcionários de terra de dois aeroportos de Berlim, Tegel e Schönefeld, forçou o cancelamento nesta segunda-feira de 660 voos com decolagem ou aterrissagem na capital alemã, segundo informou a empresa gerente dos dois aeródromos.

A greve foi convocada pelo sindicato da categoria, que hoje anunciou que prolongará a paralisação, a princípio prevista para até as 4h (1h, em Brasíla) de terça-feira, até quarta-feira.

Segundo os dados facilitados pela empresa que gerencia os aeroportos, em Tegel foram cancelados 465 voos e em Schönefeld 195, praticamente todos os programados.

Um porta-voz da empresa aconselhou os passageiros que entrem em contato com suas respectivas companhias aéreas para conhecer o estado de seus voos.

A greve, à qual estão convocados 2 mil funcionários de terra, segue uma ocorrida na sexta-feira passada, quando foram cancelados também cerca de 660 voos.

O sindicato decidiu seguir com os protestos depois que neste fim de semana não recebeu nenhuma oferta da empresa na negociação do novo convênio coletivo.

A principal reivindicação é um aumento do salário/hora em um euro para os contratos de 12 meses, proposta que supera a oferta da direção dos aeroportos berlinenses.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos