Bolsas

Câmbio

China pede ao Brasil "investigação profunda" sobre qualidade da carne

Pequim, 23 mar (EFE).- As autoridades chinesas pediram nesta quinta-feira ao governo do Brasil que a investigação pelo escândalo sobre a qualidade de sua carne seja "profunda" com castigos estritos aos que violem as normas sanitárias.

"A China espera que o governo brasileiro realize uma investigação profunda sobre o problema da qualidade da carne e que castigue estritamente as empresas e indivíduos que tenham violado as normas", disse hoje um porta-voz do Ministério de Comércio, Sun Jiwen, em entrevista coletiva.

Além disso, Pequim espera que o governo brasileiro "comunique a tempo a China sobre as novidades" que possam surgir sobre o caso e que "tome medidas eficazes para garantir a segurança da qualidade da carne importada pela China".

O gigante asiático -o maior comprador mundial de carne brasileira- suspendeu nesta semana suas importações devido à Operação Carne Fraca, que desarticulou uma organização criminosa integrada por produtores e inspetores sanitários

O porta-voz chinês de Comércio recalcou que, como "o maior importador de carne do Brasil, a China presta muita atenção ao problema da qualidade da carne" nesse país.

Sun acrescentou que o governo chinês acredita que será fortalecida a parceria para "garantir a segurança da carne importada à China" e "defender de verdade os interesses dos consumidores".

O Brasil é o maior exportador mundial de carne de bovina e de aves, e o quarto em carne suína.

Além da China, a União Europeia, Chile e Hong Kong suspenderam temporariamente suas importações de carnes procedentes do país.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos