Dow Jones fecha em baixa de 0,29%

Nova York, 24 mar (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta sexta-feira em baixa de 0,29%, após a primeira derrota legislativa do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que não conseguiu emplacar no Congresso seu projeto de lei de saúde.

O principal indicador da Bolsa de Nova York perdeu 59,86 pontos, para 20.596,72. O seletivo S&P 500 caiu 0,08%, para 2.343,98, e o índice composto da Nasdaq subiu 0,19% e fechou aos 5.828,74 pontos.

Os investidores protagonizaram um pregão volátil no dia em que o presidente Donald Trump sofreu uma expressiva derrota ao não levar adiante na Câmara dos Representantes o projeto com o qual pretendia tirar de cena o chamado Obamacare, a lei de saúde de seu antecessor, Barack Obama.

Na reta final do pregão, a liderança republicana da Câmara decidiu cancelar a votação diante da falta de apoio ao texto legislativo.

No Dow Jones, as quedas mais acentuadas foram dos papéis de Goldman Sachs (-1,47%), Dupont (-1,19%), Pfizer (-0,85%), Boeing (-0,83%), Exxon Mobil (-0,77%), IBM (-0,57%), Travelers (-0,43%), Wal-Mart (-0,36%), 3M (-0,33%) e Johnson & Johnson (-0,32%).

As altas mais expressivas foram das ações de Nike (1,79%), American Express (0,45%), Visa (0,37%), Cisco Systems (0,35%), General Electric (0,34%), McDonald's (0,26%) e Microsoft (0,17%).

No fechamento do pregão, a onça do ouro caía para US$ 1.249, e a rentabilidade dos títulos da dívida pública americana com prazo de dez anos subia para 2,409%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos