Marrocos e Mercosul iniciam negociações para acordo de livre-comércio

Rabat, 17 nov (EFE).- O Marrocos e o Mercosul iniciaram negociações de caráter técnico visando à criação de uma área de livre-comércio, informou nesta sexta-feira a agência oficial marroquina "MAP".

Com este fim, uma delegação do governo de Rabat realizou nesta semana uma reunião em Brasília com representantes do bloco sul-americano.

Segundo a fonte, o Marrocos e o Mercosul (Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai) decidiram continuar com a troca de informação legislativa e fiscal nas próximas semanas e já está prevista a realização de uma segunda reunião em Rabat no primeiro semestre de 2018.

O Mercosul, principal parceiro comercial do Marrocos na América Latina, tem em andamento negociações similares com outros países árabes (Egito, Tunísia e Líbano) e também trabalha na assinatura de um acordo de livre-comércio com a União Europeia.

A fonte explicou que a delegação marroquina, composta por membros do Ministério de Indústria, Comércio e Economia Digital, expôs ao Mercosul os progressos do país norte-africano quanto à troca comercial e à aposta do seu governo em acordos de livre-comércio.

O embaixador do Marrocos no Brasil, Nabil Adghoghi, declarou à agência que um acordo com o Mercosul "permitirá ao país reforçar a sua posição de eixo logístico, comercial e industrial entre a África, o Mediterrâneo e o Oriente Médio".

A principal via de troca comercial entre o Marrocos e o Mercosul reside no tráfego de fosfatos para o Brasil, enquanto os produtos que o país africano importa são majoritariamente agrários.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos