Bolsas

Câmbio

Fundação Gates doará US$ 158 milhões para combater pobreza nos EUA

Portland (EUA), 3 mai (EFE).- A Fundação Gates, presidida pelo cofundador da Microsoft, Bill Gates, e sua esposa, Melinda, anunciou nesta quinta-feira que investirá US$ 158 milhões durante os próximos quatro anos para combater a pobreza nos Estados Unidos.

O valor ainda não tem destinatários identificados, mas a ideia é contemplar iniciativas que promovam desde a coleta de dados até o ativismo comunitário.

"Isso faz parte do sonho americano e de fazer com que o sonho americano seja real para mais pessoas", disse Sue Desmond-Hellmann, diretora-executiva da fundação, que fez o anúncio hoje em uma conferência em Washington liderada pela associação Mobility from Poverty.

"É mais fácil gerar dados do que obter resultados", acrescentou.

Desmond-Hellmann também destacou que são necessários números e análises para encontrar a raiz do problema.

"Não estamos oferecendo uma solução mágica. Existirão muitos testes, fazendo e respondendo perguntas sobre o que funciona melhor em cada comunidade", acrescentou.

Desde 2000, a Fundação Gates, com sede em Seattle e com um patrimônio de mais de US$ 40 bilhões, se concentra em temas relativos à saúde e ao desenvolvimento mundial, sendo que nos EUA tem se dedicado a remodelar o ensino escolar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos