Bolsas

Câmbio

Dow Jones fecha em alta de 0,38%

Nova York, 7 jun (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta quinta-feira em alta de 0,37%, impulsionado por uma valorização do conjunto de empresas do setor de energia (1,58%), ligada à alta dos preços do petróleo.

O principal indicador da Bolsa de Nova York somou 95,02 pontos e chegou a 25.241,41. O seletivo S&P caiu 0,07%, para 2.770,37, e o índice composto da Nasdaq rompeu sua sequência de recordes e recuou 0,70%, fechando aos 7.635,07 pontos, afetado por quedas de títulos como os de Facebook (-1,65%) e Alphabet (-1,09%).

Entre as 30 ações que compõem o Dow Jones, as quedas mais acentuadas foram de Intel (-2,02%), Visa (-1,79%), Microsoft (-1,57%) e Cisco (-1,38%).

Os papéis do McDonald's tiveram a principal alta, de 4,37%, após a divulgação de uma notícia segundo a qual a rede de lanchonetes planeja uma nova rodada de demissões para reduzir sua estrutura de negócios. Outras altas expressivas foram de Chevron (2,90%) e Procter & Gamble (1,90%).

Os investidores avaliaram o conteúdo da entrevista que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, concedeu com o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, sobre a reunião que terá no próximo dia 12 com o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, em Cingapura.

O otimismo de Trump em relação ao encontro, no qual vê "potencial para assinar um acordo" para a redução do programa nuclear norte-coreano, foi bem recebido, embora sem empolgação, por Wall Street.

O pregão nova-iorquino analisou também o novo acordo entre EUA e China sobre a ZTE, segundo o qual a empresa chinesa do ramo de telefonia poderá fazer negócios nos EUA e terá que pagar uma multa de US$ 1 bilhão.

No horário de fechamento da bolsa, a onça do ouro caía para US$ 1.301, e o rendimento dos títulos do tesouro americano com vencimento em 10 anos diminuía para 2,933%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos