PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Passageiros de voo na Índia passam mal após perda de pressão na cabine

20/09/2018 17h22

Nova Délhi, 20 set (EFE).- Um avião da companhia indiana Jet Airways com 171 pessoas a bordo precisou voltar ao aeroporto de Mumbai pouco após decolar devido a uma despressurização na cabine que fez com que alguns passageiros sofressem sangramentos pelo nariz e dor de ouvido.

O caso aconteceu ontem com um Boeing 737 que tinha 166 passageiros, cinco tripulantes, e havia decolado em Mumbai com destino a Jaipur, no norte da Índia.

"Todos os passageiros desceram do avião e foram levados ao terminal aéreo. Foram prestados primeiros socorros aos poucos passageiros que se queixaram de dor de ouvido e sangramento pelo nariz", informou a companhia aérea, que suspendeu a tripulação do voo enquanto investiga o caso.

Segundo o diretor-geral adjunto do Conselho Geral de Aviação Civil indiano (DGCA), Lalit Gupta, o caso aconteceu porque a tripulação "se esqueceu de acionar o botão para manter a pressurização, o que fez com que as máscaras de oxigênio fossem acionadas", afirmou

Gupta acrescentou que 30 passageiros sofreram de dor de ouvido e hemorragias nasais.

Após o incidente, alguns viajantes foram às redes sociais para reclamar da companhia aérea.

Shatish Nair denunciou que o avião perdeu pressão "imediatamente depois de decolar" e acusou a tripulação de não ajudar os passageiros, em uma mensagem no Twitter, na qual postou uma selfie em que aparece com a máscara de oxigênio dentro da aeronave.

"Situação de pânico por causa de um erro técnico no voo da Jet Airways de Mumbai a Jaipur. O avião voltou a Mumbai após 45 minutos. Todos os passageiros estão a salvo, inclusive eu", afirmou, na mesma rede social, Darshak Hathi, que postou um vídeo no qual passageiros aparecem usando máscaras de oxigênio durante o voo.

A companhia aérea já tinha virado notícia em janeiro deste ano, quando foi descoberto que dois pilotos brigaram durante um voo de Londres a Mumbai e depois saíram da cabine, deixando o avião à mercê do piloto automático.