PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Barril do Texas despenca e fecha em baixa de 7,3%

18/12/2018 18h57

Nova York, 18 dez (EFE).- O barril de Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) despencou nesta terça-feira e fechou em forte baixa de 7,3%, cotado a US$ 46,24.

Ao final das operações na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI para entrega em janeiro caíram US$ 3,64 em relação ao valor do fechamento de ontem.

Os preços do petróleo, que chegaram a cair 8%, atingiram seu nível mais baixo desde agosto de 2017, enquanto os Estados Unidos e a Rússia continuam bombeando a níveis recorde e gerando mais petróleo, inclusive quando os analistas advertem que estão surgindo sinais de uma demanda debilitada devido a uma desaceleração do crescimento econômico internacional.

Após superar a barreira dos US$ 50, a cotação entra em uma zona de baixa que os analistas acreditam que pode desencadear em uma queda para US$ 42 por barril do petróleo americano.

A produção nos campos de xisto aumentará neste mês para mais de 8 milhões de barris por dia pela primeira vez, informou a Administração de Informação de Energia dos EUA.

Além disso, a companhia de dados de energia Genscape revelou recentemente que as reservas de petróleo em um centro de armazenamento em Cushing, Oklahoma, aumentou em mais de 1 milhão de barris. Os analistas também apontam que a Rússia pode estar bombeando petróleo a níveis recorde.

Tudo isso leva a um excesso da matéria-prima no mercado que provoca neste momento uma severa correção do valor do barril do petróleo texano. EFE