PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Governador diz não haver data para volta de atividades na Flórida

25/04/2020 01h54

Miami, 24 abr (EFE).- O governador da Flórida, nos Estados Unidos, Ron DeSantis, declarou sexta-feira que não fixou uma data para a reabertura do estado e garantiu que sua intenção é que a saída da quarentena seja feita com método e segurança e mantendo a prioridade de proteger as pessoas mais vulneráveis, especialmente os idosos.

O grupo de trabalho encarregado de desenvolver recomendações de curto prazo para reavivar a economia da Flórida completou sua tarefa nesta sexta, e DeSantis disse que irá estudá-las neste fim de semana.

No entanto, o governador destacou em entrevista coletiva que não tem uma data específica para implementá-las e que, além de empresários e cientistas, se preocupa com a opinião das autoridades locais.

Anteriormente, a vice-governadora, Jeanette Nunez, que faz parte do grupo de trabalho, afirmou que o critério que prevalecerá ao decidir quais negócios podem ser reabertos é o risco de contágio que cada um deles representa. O fato de serem ou não indispensáveis ficará em segundo plano.

O desemprego crescente em um estado que até fevereiro tinha uma das taxas mais baixas dos EUA, especialmente devido à interrupção do turismo, mas também devido ao fechamento de milhares de pequenas empresas, é um fator de pressão a favor da reabertura. Entretanto, 72% da população, de acordo com uma pesquisa recente, quer que as medidas de prevenção sejam mantidas por enquanto.

Enquanto isso, a Covid-19 continua avançando, e os casos confirmados na Flórida superaram nesta sexta-feira a barreira dos 30 mil. O estado tem mais de 1 mil vítimas do vírus SARS-CoV-2.

DeSantis enfatizou a necessidade de aumentar a capacidade de teste para ter uma compreensão precisa do verdadeiro nível de infecção e anunciou medidas para poder incluir pessoas que, apesar de assintomáticas, acreditam ter sido expostas ao vírus. "É preciso evitar as transmissões antes que as pessoas fiquem muito doentes", alertou.