PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

FMI aumenta previsão de crescimento econômico global para 2021

26/01/2021 18h39

Washington, 26 jan (EFE).- O Fundo Monetário Internacional (FMI) revisou nesta terça-feira a alta das previsões de crescimentos econômico mundial para 5,5% em 2021, três décimos a mais do que o estimado em outubro.

A melhora se daria graças às expectativas de recuperação gerada pelas vacinas contra o novo coronavírus e pelo apoio fiscal adicional de Estados Unidos e Japão.

As duas grandes economias do planeta, EUA e China, se expandirão neste ano em aproximadamente 5,1% e 8,1%, respectivamente, segundo o novo informe de Perspectivas Econômicas Globais do FMI.

Embora o colapso de 2020, com retração de 3,5%, seja menor que o projetado em outubro do ano passado, que era de 4,4%, segue sendo a pior marca do planeta em época de paz, desde a Grande Depressão americana, também conhecida como a Crise de 1929.

A economista-chefe do Fundo, Gita Gopinath, destacou que a melhoria ainda neste ano, se deve, em grande medida, "pelas expectativas geradas por um fortalecimento das atividades graças às vacinas".

A representante do FMI indicou que ainda há apoio de um "volumoso respaldo fiscal anunciado em alguns países, incluindo o mais recente, nos Estados Unidos e Japão, assim como o desembolso dos fundos Nova Geração, na União Europeia, que ajudará a aumentar a atividade econômica entre as economias avançadas, com favoráveis efeitos aos seus parceiros comerciais".

No entanto, o Fundo Monetário Internacional apontou que o otimismo ainda precisa ser cauteloso.

"Embora as recentes aprovações de vacinas tenham aumentado a esperança de uma mudança de rumo na pandemia ao longo do ano, as novas ondas e as novas variantes incluem preocupação à perspectiva", indica o informe do FMI. EFE

afs/bg