Bolsas

Câmbio

Cobre se recupera com investidores ajustando posições

Londres

Os preços do cobre sobem levemente nesta sexta-feira, beneficiados por um movimento de ajuste de posições por parte dos investidores que aproveitam duas semanas de quedas praticamente ininterruptas da commodity.

Perto das 6h46 (de Brasília), o contrato para três meses do metal vermelho operava em alta de 0,38%, a US$ 5.559,50 a tonelada, na London Metal Exchange (LME). Às 7h28, o cobre para julho subia 0,22%, a US$ 2,5135 por libra-peso, na New York Mercantile Exchange (Nymex).

Os preços da commodity estão "muito voláteis no momento", afirmou Nitesh Shah, analista da ETF Securities. "Faz sentido se colocarmos em contexto que ele subiu muito rapidamente no início do ano", acrescentou.

Nas últimas semanas, o cobre caiu em meio a uma retiradas das posições especulativas feitas durante as semanas que se seguiram ao início do mandato do presidente norte-americano Donald Trump. A demanda mais fraca na China também contribuiu para esse refluxo.

Os demais metais básicos operavam majoritariamente em alta na LME. O alumínio subia 0,80%, a US$ 1.888,50 a tonelada; o chumbo recuava 0,07%, a US$ 2.175,50 a tonelada; o estanho avançava 0,13%, a US$ 19.900 a tonelada; o zinco tinha alta de 0,83%, a US$ 2.608 a tonelada; e o níquel apresentava ganho de 0,65%, a US$ 9.355 a tonelada. Fonte: Dow Jones Newswires.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos