Bolsas

Câmbio

Bolsas europeias fecham em queda após reunião do Fed e com indicadores negativos

São Paulo

  • Daniel Roland/AFP Photo

Os principais índices acionários europeus encerraram em queda nesta quinta-feira, influenciados por dados negativos da região e pela decisão do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de elevar os juros mesmo com uma perspectiva menor para a inflação este ano.

O índice pan-europeu Stoxx 600 encerrou em queda de 0,39%, aos 386,05 pontos, o menor nível desde 21 de abril, segundo dados da FactSet.

Investidores optaram por se desfazer de ativos arriscados nesta sessão, em meio à divulgação de divulgação como a balança comercial da zona do euro em abril, que apontou superávit de 19,6 bilhões de euros, menos que os 22,2 bilhões de euros em março.

As exportações tiveram recuo de 2,1% e as importações caíram 0,8% na mesma comparação mensal, o que sugere que o comércio não deve impulsionar o crescimento econômico no segundo trimestre na região, como tem sido a tendência recente.

Houve também alguma apreensão com a decisão do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de manter a perspectiva de juros para o final do ano mesmo revisando para baixo suas perspectivas de inflação.

"As apostas de mercado sugerem uma probabilidade superior a 50% de o Fed não elevar os juros novamente este ano. Portanto, no futuro, esperamos que o mercado foque nos indicadores, principalmente os de inflação", afirmou Charalambos Pissouros, analista sênior da IronFX.

Em Londres, o índice FTSE-100 fechou em queda de 0,74%, aos 7.419,36 pontos, pressionado também pela decisão dividida do Banco da Inglaterra (BoE) de manter os juros estáveis. O placar mais apertado do que o esperado fez a libra se valorizar ante o dólar, prejudicando ações de exportadores.

As mineradoras também foram destaque negativo da bolsa londrina após o presidente da África do Sul anunciar que pretende revisar a carta de mineração do país e introduzir regras que exigem que 30% das minas que operam em território sul-africano sejam de propriedade negra. Os papéis da Anglo American encerraram em queda de 6,03%, enquanto Glencore baixou 1,26%.

Em Paris, o índice CAC-40 fechou com desvalorização de 0,50%, aos 5.216,88 pontos. Em Frankfurt, o DAX caiu 0,89%, aos 12.691,81 pontos. Em Milão, o FTSE-Mib apontou queda de 0,54%, aos 20.847,51 pontos.

O índice Ibex-35 da bolsa de Madri recuou aos 10.699,60 pontos, baixa de 0,71%. Já o PSI-20 da bolsa de Lisboa perdeu 1,01%, aos 5.262,02 pontos. (Marcelo Osakabe, com informações da Dow Jones Newswires)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos