Bolsas

Câmbio

Ministro saudita defende aumento de 1 milhão de bpd na oferta de Opep e aliados

Viena

O ministro de Petróleo da Arábia Saudita, Khalid al-Falih, disse hoje que um aumento de 1 milhão de barris por dia na produção seria uma "boa meta" para a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e outros produtores que não pertencem ao cartel levarem em consideração.

Amanhã, a Opep e dez países de fora do grupo, incluindo a Rússia, farão reunião de cúpula em Viena para discutir a possibilidade de ampliar sua oferta combinada.

Por um acordo que está em vigor desde o início de 2017, Opep e parceiros têm procurado reduzir sua produção combinada em 1,8 milhão de barris por dia. A princípio, o pacto vigoraria até o fim de dezembro, mas sauditas e russos passaram a defender a ampliação da oferta diante da recuperação dos preços do petróleo, que nos últimos meses atingiram os maiores níveis em três anos e meio.

A Rússia pede um acréscimo na produção de até 1,5 milhão de barris diários, mas a Arábia Saudita e outros membros da Opep têm procurado argumentar por um número menor. Fonte: Dow Jones Newswires.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos