ipca
0,45 Out.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

CMN remaneja limite para que Estados e municípios contratem empréstimos

Eduardo Rodrigues e Idiana Tomazelli

Brasília

29/10/2018 18h50

O Conselho Monetário Nacional (CMN) decidiu nesta segunda-feira, 29, remanejar R$ 4 bilhões do limite global para que Estados e municípios contratem empréstimos em 2018. O limite dos entes para empréstimos com garantia da União neste ano caiu de R$ 17 bilhões para R$ 13 bilhões, enquanto o limite para operações sem aval do Tesouro Nacional subiu de R$ 7 bilhões para R$ 11 bilhões.

De acordo com o Ministério da Fazenda, a medida foi tomada porque, ao longo do ano, observou-se que a demanda para operações com garantia da União foi baixa, enquanto a demanda por empréstimos sem o aval do Tesouro já estava próxima do limite.

A pasta garantiu ainda que o remanejamento dos limites está alinhado com a meta de resultado primário dos governos regionais e com o limite de exposição dos bancos às operações de crédito sem garantia da União.

Mais Economia