PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Salários no Reino Unido avançam no ritmo mais forte em uma década

Londres

11/12/2018 20h23

Os salários pagos aos trabalhadores no Reino Unido avançaram ao ritmo mais forte em dez anos no trimestre até outubro, mesmo com o crescimento no desemprego. Os salários, incluindo bônus, tiveram crescimento de 3,3% no trimestre até outubro, acima da alta de 3,1% dos três meses até setembro. O Escritório Nacional de Estatísticas (ONS, na sigla em inglês) informou que o número de pessoas sem trabalho subiu 20 mil no período, com a taxa de desemprego passando de 4,0% no trimestre até julho para 4,1% no trimestre até outubro.

O avanço nos salários torna mais provável que o Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês) eleve os juros no próximo ano, embora qualquer mudança na política dependa do modo como o Reino Unido deixará a União Europeia, em março.

O BoE vê o crescimento nos salários como sinal de que diminui a capacidade ociosa na economia, o que gera pressão sobre as empresas para elevar os preços, tornando necessária mais adiante uma elevação nos juros para conter a trajetória dos preços e cumprir a meta de inflação em 2%. Fonte: Dow Jones Newswires.