PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Caiado: 'Temos de tratar do que pode aliviar a vida dos governadores'

Renan Truffi e Anne Warth

Brasília

20/02/2019 14h18

O governador do Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), defendeu nesta quarta-feira, 20, que "objetivamente" sejam tratadas questões que possam aliviar a vida dos governadores, que enfrentam uma crise fiscal nos Estados. "O foco tem que ser plano de emergência para tirar os Estados da situação em que estão", disse o governador, após participar do Fórum de Governadores, encontro no qual foi apresentado pelo governo federal a proposta de emenda constitucional da Previdência.

"A reforma está em discussão há muito tempo e Guedes (ministro da Economia, Paulo Guedes) disse que sugestões são bem-vindas", afirmou Caiado. Segundo ele, os governadores terão até o dia 19 de março para fazer sugestões ao texto da reforma da Previdência.

O governador disse ainda que o ministro da Economia foi objetivo e que afirmou que irá priorizar um plano de emergência para Estados. "Não vejo um plano emergencial para depois de abril, tem que vir agora", enfatizou Caiado.

Ele destacou que o governo federal tem um poder de endividamento que os Estados não têm. "Não cabe agora teses populistas", completou.