PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Autoridades japonesas dizem que críticas de Ghosn à Justiça são injustificadas

Tóquio

08/01/2020 15h45

Autoridades japonesas disseram que o executivo Carlos Ghosn é o único culpado por seus problemas e classificaram as críticas dele à Justiça do Japão como injustificadas.

O vice-promotor-chefe de Tóquio, Takahiro Saito, disse que as alegações de Ghosn em uma conferência de imprensa no Líbano "falharam em justificar seus atos". Ghosn "ignorou flagrantemente a lei japonesa para evitar as consequências dos crimes que cometeu", disse Saito em comunicado.

Em sua entrevista coletiva no Líbano, o ex-presidente da Nissan, que fugiu do Japão para o Líbano na semana passada, disse que as acusações contra ele são "infundadas". Fonte: Dow Jones Newswires.