PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Para sair da quarentena, Brasil precisa testar em larga escala, diz Verde Asset

Thaís Barcellos e Karla Spotorno

São Paulo

18/04/2020 18h14

O estrategista-chefe da Verde Asset, Luiz Parreiras, defendeu em live organizada pela XP Investimentos que, para o Brasil sair da quarentena, é necessário testar em larga escala, além de aumentar o número de leitos de UTI, assim como fazer um rastreamento dos infectados e, assim, testar quem teve contato com esses contaminados. "Sem essas coisas, a gente está correndo muito risco, em termos da epidemia voltar."

Parreiras alertou que, aqui como nos EUA, há um receio de depois da flexibilização da quarentena em maio e junho, a epidemia voltar no inverno sem que o sistema de saúde esteja preparado. Por isso, ele diz que há um horizonte de flexibilização, mas que passa pela testagem em massa e pela preparação do sistema de saúde para as possíveis segunda e terceira ondas da doença, assim como mudanças de hábitos da população, como uso de máscara e manutenção de um certo distanciamento pessoal.

Parreiras avaliou que o sistema de saúde brasileiro está bem preparado, mas com certa desigualdade regional no número de leitos. Ele também disse que o número de casos brasileiros deve estar mais próximo de 100 mil a 120 mil casos, mas segue oficialmente em torno de 30 mil porque o País testa pouco.

O estrategista da Verde disse também que a instituição está confiante de que os estímulos monetários e fiscais aplicados contra a crise pelos governos do mundo todo serão importantes para a recuperação e embasam o otimismo com os mercados.