PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Adiamento de tributos por covid-19 reduziu arrecadação em R$ 35,111 bi em abril

Lorenna Rodrigues

Brasília

21/05/2020 12h24

O adiamento do prazo de pagamento de tributos por conta da pandemia da covid-10 levaram a uma redução de R$ 35,111 bilhões na arrecadação de abril. De acordo com a Receita Federal, o montante de compensações tributárias somou R$ 10,901 bilhões em abril, um aumento de 25,19% em relação ao mesmo mês do ano passado.

"A arrecadação de abril reflete os fatos geradores do mês de março, quando tivemos o início dos efeitos da pandemia", afirmou o chefe do Centro de Estudos Tributários da Receita Federal, Claudemir Malaquias.

De acordo com Malaquias, excluindo os fatores atípicos - adiamento e desoneração de tributos e aumento nas compensações - a arrecadação em abril cairia 0,81%.

Na realidade, a arrecadação de impostos e contribuições federais teve forte queda em abril, quando somou R$ 101,154 bilhões, um recuo real (já descontada a inflação) de 28,95% na comparação com o mesmo mês de 2019.

A Receita divulgou uma série histórica estendida que mostra que a arrecadação de abril é a menor desde 2006 (R$ 94,505 bilhões).