PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

CMN autoriza BC a estender prazo de contrato de swap com o Federal Reserve

Fabrício de Castro e Idiana Tomazelli

Brasília

27/08/2020 19h31

O Conselho Monetário Nacional (CMN) autorizou nesta quinta-feira, 27, o Banco Central a estender o prazo do contrato de swap com o Federal Reserve (Fed, o banco central americano), de 30 de setembro de 2020 para 31 de março de 2021. A ampliação do prazo foi informada há pouco pelo BC por meio de nota.

Em 19 de março, o BC e o Fed haviam anunciado o estabelecimento de uma linha de swap de liquidez em dólares americanos, no valor de US$ 60 bilhões, que ampliava a oferta potencial de dólar no mercado brasileiro.

O BC não chegou a utilizar esta linha, mas ela era considerada uma ferramenta importante em caso de necessidade neste período de crise, provocada pela pandemia do novo coronavírus.

"Esta linha não implica condicionalidades de política econômica e será utilizada para incrementar os fundos disponíveis para as operações de provisão de liquidez em dólares pelo BC", comentou a autarquia por meio de nota. "A linha de liquidez soma-se ao conjunto de instrumentos disponíveis do BC para lidar com a alta volatilidade dos mercados em decorrência da pandemia da Covid-19."