PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

IFO: Alemanha vai sofrer com falta de investimentos após pandemia

Sergio Caldas

São Paulo

12/11/2020 09h58

A pandemia do novo coronavírus poderá causar danos duradouros à economia da Alemanha, segundo avaliação do Instituto IFO. O problema será a relutância em investir, diz Joachim Ragnitz, diretor-gerente do IFO, que tem sede em Dresden. "Os investimentos reais em equipamentos já estavam crescendo de forma extremamente fraca em 2019 e, segundo nossas projeções econômicas, continuarão mínimos até 2022", justificou Ragnitz em artigo publicado hoje no site do IFO.

De acordo com Ragnitz, as perdas de lucros e vendas em meio à pandemia deixaram as empresas incapacitadas de financiar investimentos de capital físico. Além disso, os bancos não estão ajudando, uma vez que sua disposição de conceder empréstimos depende do patrimônio do tomador de crédito.

"A redução dos investimentos não apenas irá desacelerar a modernização de instalações de produção, como também freará o crescimento da produtividade e a criação de empregos", disse Ragnitz.