PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Superávits primários do Governo Central e de regionais são os maiores para abril

Brasília

31/05/2022 10h53

Assim como o resultado consolidado do setor público (Governo Central, Estados, municípios e estatais, com exceção de Petrobras e Eletrobras), os superávits primários registrados pelo Governo Central (Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central) e pelos governos regionais (Estados e municípios) em abril são os maiores para o mês da série histórica do Banco Central (BC). Para o Governo Central e para os Estados e municípios, a série começa em 1991.

De acordo com o Banco Central, o setor público consolidado teve saldo primário positivo em R$ 38,876 bilhões em abril, com superávit de R$ 29,638 bilhões do Governo Central e de R$ 10,278 bilhões de governos regionais.

As estatais registraram resultado primário negativo de R$ 1,040 bilhão no mês.

No caso de governos regionais, os recordes primários mensais têm sido observados recorrentemente nas últimas divulgações.