PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Novo aumento do combustível é um 'deboche', diz governador de SP

O governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), criticou duramente a Petrobras após anúncio de reajuste. - UOL
O governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), criticou duramente a Petrobras após anúncio de reajuste. Imagem: UOL

Giordanna Neves

17/06/2022 13h48

Após a Petrobras anunciar um novo reajuste nos preços dos combustíveis, o governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), afirmou que a medida é "um deboche". "Inacreditável! Não adianta todos remarem para um lado e a Petrobras para outro. Se continuar assim não haverá resultado no bolso no cidadão. O novo aumento do combustível é um deboche", escreveu em publicação no Twitter.

Como mostrou o Broadcast Político (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado), Garcia defende a criação de uma conta de estabilização pela Petrobras para controlar o aumento dos preços dos combustíveis, além da suspensão da dívida do Estado com a União por dois anos em troca de zerar o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre diesel, etanol e gás de cozinha.

Em relação ao projeto de lei (PLP 18) que estabelece o teto de 17% de ICMS sobre combustíveis, aposta do governo para reduzir os preços, o governador fez críticas.

Ao Broadcast Político, Garcia disse que, pelo texto aprovado na Câmara, não haverá compensação aos Estados e os recursos para áreas da saúde, educação e segurança serão reduzidos.

O PLP 18 foi aprovado pela Câmara nesta semana e segue para a sanção presidencial.