IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

Banco Central da Rússia mantém taxa básica de juros em 7,5% pela 5ª vez seguida

São Paulo

28/04/2023 08h40

O Banco Central (BC) da Rússia decidiu manter sua taxa básica de juros em 7,5% nesta sexta-feira, após reunião de política monetária. Foi a quinta vez seguida que o BC russo manteve o juro básico, depois de cortá-lo de forma agressiva entre abril e setembro de 2022.

Em comunicado oficial, o BC russo afirmou que as expectativas de inflação das famílias seguem desacelerando, mas estão elevadas, da mesma forma que as estimativas de preços das empresas. Entretanto, o Banco Central da Rússia destacou que os riscos de inflação permaneceram essencialmente os mesmos desde a reunião anterior.

A instituição revisou suas projeções para a inflação anual. Agora, a expectativa é que a taxa anual fique entre 4,5% e 6,5%, ante 5% e 7% previsto na última reunião. Para 2024, o BC russo manteve a estimativa que a taxa de inflação deverá chegar a 4% em 2024.

Segundo a autoridade monetária russa, a atividade econômica está expandindo mais rápido do que previsto em fevereiro pelo país. "Isso reflete tanto a expansão da demanda doméstica quanto devido aos processos de transformação da economia russa em curso".

"Expectativas de inflação altas e não ancoradas, particularmente sensíveis às flutuações da taxa de câmbio, também são uma fonte de risco. Nessas condições, a continuidade do crescimento dos ativos mais líquidos na estrutura da poupança das famílias pode estimular um aumento da demanda do consumidor no futuro", indicou o Banco Central russo.