Raia Drogasil tem lucro líquido de R$ 363,2 mi no 2º trimestre, queda de 2,4%

A Raia Drogasil apresentou lucro líquido de R$ 363,2 milhões, uma queda de 2,4% em relação ao mesmo período de 2022. O Ebitda, por sua vez, foi de R$ 788,7 milhões, alta de 2,3%. Os mesmos indicadores ajustados foram de R$ 349,2 milhões para o lucro líquido, com alta de 1,6% sobre o registrado um ano atrás; e de R$ 767,6 milhões, com alta de 5,5%.

A companhia teve um total de R$ 21,1 milhões em receitas não recorrentes líquidas no segundo trimestre de 2023. Isso inclui R$ 21,3 milhões em ganhos tributários de anos anteriores e outros itens não recorrentes e uma reversão de R$ 2,6 milhões em baixas de ativos, além de despesas não recorrentes de R$ 2,8 milhões relativas a investimentos sociais e doações.

A receita líquida de vendas e serviços ficou em R$ 8,4 bilhões, com alta de 16%. A receita bruta foi de R$ 9 bilhões, um crescimento de 18,1%.

"Vale destacar que a 4Bio cresceu 81%, registrando uma contribuição para o crescimento consolidado de 3,2 pontos porcentuais, ao passo que o varejo cresceu 14,9%, mesmo com o efeito negativo da venda de testes covid-19 de 2,2 pp em função da forte base de comparação do segundo trimestre de 2022 e do efeito calendário também negativo de 0,4 pp", afirma a companhia, no release que acompanha os resultados.