IDP de US$ 4,244 bi foi o menor para meses de julho desde 2018, diz BC

O chefe do Departamento de Estatísticas do Banco Central, Fernando Rocha, destacou nesta sexta-feira, 25, que os ingressos de Investimentos Diretos no País (IDP) mais que dobraram na passagem de junho para julho, mas ainda ficaram aquém da entrada do sétimo mês de 2022.

Os ingressos de IDP somaram US$ 4,244 bilhões em julho. No mesmo período do ano passado, o montante havia sido de US$ 7,205 bilhões. Em junho, entraram no País US$ 1,880 bilhão nessa rubrica.

"Em julho houve recuperação do IDP, após o resultado baixo de junho. Mas, na comparação anual ainda houve uma redução. Para meses de julho, foi o pior resultado desde 2018, quando ficou em US$ 3,5 bilhões."

Segundo Rocha, após forte recuperação em 2022, o IDP tem apresentado uma trajetória de redução no resultado acumulado ao longo de 2023. No ano até julho, o fluxo de IDP ficou em US$ 33,609 bilhões. Em 12 meses, o saldo de investimento estrangeiro ficou em US$ 71,663 bilhões, o que representa 3,54% do Produto Interno Bruto (PIB).

A estimativa do BC para este ano é de IDP de US$ 75 bilhões, projeção que foi mantida no Relatório Trimestral de Inflação (RTI) de junho.