ANP informa que 4º Ciclo da Oferta Permanente terá 33 setores e acumulação marginal de Japiim

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) publicou nesta segunda-feira,16, no Diário Oficial da União, que o 4º Ciclo de Oferta Permanente de Concessão vai oferecer 33 setores com blocos exploratórios localizados em nove bacias sedimentares, além da área com acumulação marginal de Japiim, na bacia do Amazonas.

"Destaca-se a indicação de todos os 12 setores disponíveis na bacia de Pelotas, bem como de todos os 12 setores disponíveis em bacias maduras. Além disso, houve indicação de quatro setores na bacia de Santos, quatro setores em bacias de nova fronteira terrestre (Paraná, Amazonas e Tucano Sul) e de um setor na porção marítima da bacia Potiguar", informou a agência.

Em entrevista no início de outubro, o diretor de Exploração e Produção da Petrobras, Joelson Mendes, informou que a estatal está avaliando todas as bacias sedimentares que serão oferecidas, entre elas a de Pelotas, considerada por ele "uma nova fronteira".

Até o dia 8 de novembro, todas as 87 licitantes inscritas no 4º ciclo poderão apresentar declarações de interesse acompanhadas de garantias de oferta para os setores divulgados nesta segunda-feira. O leilão está previsto para o dia 13 de dezembro deste ano.

Serão ofertados blocos nas bacias do Amazonas, Espírito Santo,Paraná, Pelotas, Potiguar, Recôncavo, Santos, Sergipe-Alagoas e Tucano. O maior número de setores em oferta estão localizados na bacia de Pelotas (12).