Ante incertezas atuais, Fed vai atuar 'com cautela', afirma Jerome Powell

O presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Jerome Powell, afirmou nesta quarta-feira, 1º de novembro, que a autoridade monetária vai atuar "com cautela" frente às incertezas atuais e considerando o quanto os juros já foram elevados no país. O efeito total do aperto monetário já adotado ainda será sentido, de acordo com ele.

"A orientação da política é restritiva, o que significa que exerce pressão na economia e na inflação e os efeitos totais do aperto ainda não foram sentidos", disse Powell, em coletiva de imprensa, no período da tarde, após o Fed anunciar a decisão de manter novamente os juros estáveis.

Em linha com as expectativas de Wall Street, o presidente do Fed disse que o BC dos EUA vai agir com cautela.

"Dado o quão longe chegamos e, considerando, as incertezas e os riscos que enfrentamos, agiremos com cautela", afirmou Powell.

Compreensão dos problemas causados pela elevada inflação

O presidente do Federal Reserve afirmou ainda que a autoridade compreende os problemas causados pela elevada inflação. A estabilidade de preços é fundamental, defendeu.

"Reconhecemos os problemas causados pela inflação elevada e continuamos fortemente empenhados em reduzir a inflação para o nosso objetivo de 2% ao ano", disse Powell.

Ele lembrou que a estabilidade de preços é responsabilidade do Fed. "Sem estabilidade de preços, a economia não funciona para ninguém. Em particular, sem estabilidade de preços, não alcançaremos um período sustentado de fortes condições no mercado de trabalho que beneficiem a todos", disse, mencionando o aperto monetário conduzido desde o ano passado.

O Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) do Fed manteve pela segunda vez consecutiva os juros americanos na faixa de 5,25% a 5,50% ao ano. A decisão foi unânime e veio em linha com as expectativas de Wall Street, que esperavam taxas estacionadas diante do quadro econômico atual.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes