Taxas futuras de juros sobem com curva de Treasuries e risco fiscal no radar

Os juros futuros avançam na manhã desta segunda-feira, 6 em sintonia com os retornos dos Treasuries e com o risco fiscal no radar. O mercado monitora o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, que participa de evento nesta manhã. Mais cedo, o Boletim Focus mostrou nova piora nas projeções para IPCA de 2024, o foco do Banco Central. Às 9h33, a taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2025 subia a 10,865%, de 10,822% no ajuste anterior. O DI para janeiro de 2027 ia para 10,845%, de 10,774%, e o para janeiro de 2029 subia para 11,230%, de 11,169% no ajuste de sexta-feira, dia 3.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes